MÉTODOS

Scrum: 3 coisas para saber antes de adotar

Scrum 3 coisas para saber antes de adotar
Scrum 3 coisas para saber antes de adotar

Se você está pensando em iniciar uma viagem para o mundo ágil e decidiu escolher o Scrum como companheiro, esse artigo lhe será bastante útil. A adoção do Scrum pode ser uma forma maravilhosa de descobrir novas técnicas, filosofias e estratégias. No entanto, é compreensível se você sentir um frio na barriga ao começar com a mais popular das estruturas ágeis para gerenciamento de projetos. Aqui vou tentar te ajudar a decidir se o Agile em geral, ou o Scrum em particular, são realmente a direção que você deve tomar.

1. O Scrum não é apenas para software

A grande maioria das empresas relatam que não estão na indústria do software para realizar uma adoção do Scrum. Realmente, o Scrum começou no berço do software, mas não se restringe apenas a ele. Claro, ele ainda é usado frequentemente para gerenciar projetos de software, mas você pode explorar os benefícios dele em qualquer organização. Lógico, pessoas que trabalham com desenvolvimento de software estão, provavelmente, mais familiarizados com framework e podem aproveitar ao máximo o que ele oferece.

Mas, não é necessário limitar o uso do Scrum apenas ao software. A medida que você ficar mais familiarizado com o Scrum, será capaz de identificar oportunidades para expandir o uso dele em sua organização. O Scrum procura entregar resultados que estejam melhor alinhados as necessidades do cliente e qualquer organização pode alcançar esses benefícios.

2. O Scrum é uma abordagem de negócios

Quando bem implementado, o Scrum se torna parte integrante da execução do projeto. Como em qualquer outra iniciativa importante, o investimento em Scrum precisa entregar um retorno positivo, o que significa que você deve envolver metas de negócios bem definidas e claras a ele. Além disso, é preciso um apoio de nível executivo visível e consistente, envolvendo todas as partes interessadas, assim como em qualquer outro grande projeto.

Se o Scrum está posicionado em uma organização como uma abordagem de nicho (apenas envolvendo projetos de software) seu benefício será sempre limitado. Mas se ele está posicionado como uma abordagem alternativa, para invariáveis projetos dentro de uma organização, ele irá gerar benefícios financeiros reais. Um posicionamento alternativo também ajuda com a adoção e aceitação do Scrum dentro da organização, pois todas as áreas de negócios podem aprender e experimentar o Scrum, não deixando nenhuma parte para trás.

3. O Scrum se alinha as necessidades do cliente

Scrum busca entregar resultados de maneira mais rápida e com menor custo, focando em fornecer produtos e serviços que se alinhem as necessidades do cliente. Ao implementar o Scrum em sua organização, é importante que todas as partes envolvidas se concentrem com a ideia de o “cliente em primeiro lugar”. Estando com essa visão bem estabelecida, será possível entregar produtos que realmente impactem os negócios do cliente.

Implementar o Scrum não precisa ser uma coisa assustadora. Claro, o Scrum é sim diferente das abordagens tradicionais para gerenciamento de projetos, mas essa diferença é a principal razão pela qual ele funciona. Como em qualquer tipo de adoção você irá passar por pontos altos e desafiadores, mas os resultados poderão ser bem gratificantes. O Scrum fornece resultados para melhorar suas taxas de sucesso e, ao mesmo tempo, consegue construir equipes mais engajados e com níveis mais altos de satisfação.

É isso, boa sorte em sua adoção do Scrum… 😉

Você pode gostar também